Entrar
(
Millones de Letras de canciones y videos
Millones de Letras de canciones y videos

Devaneio

Já sinto que já sinto
Teu cheiro que me prende
Tua beleza que me presta
Primavera fluente
Devaneios que me presta


Os botőes já zeridos
Embriőes que me fascinam
O berçário de meninas
Que năo choram, que năo gritam nunca mais
Escutando o alvorecer


Olhos fixos nesse campo
Ouço o silęncio desse canto
Reluzente é a natureza
Em seus tempos facultando
Nos protege, nos encanta
Nosso destino é um só
É um só.


E o monstro indomável
Tăo sereno quanto falho
Segue os trilhos da cidade
Eminente desvairado
Procurando uma soluçăo


Novo fogo esta nascendo
E as cinzas văo crescendo
Sigo a estrada do milęnio
Sem destino sem parada
Tanto frio quanto afinado


Olhos fixos nesse campo
Ouço o silęncio desse canto
Reluzente é a natureza
Em seus tempos facultando
Nos protege, nos encanta
Nosso destino é um só
É um só.(2xs)


Fuente: www.musicafusion.com


  Esta canción               
  Este artista                 
  MusicaFusion.com   

Enlace para compartir:


Enlace HTML para tu website:


Reportar Contenido