Entrar
(
Millones de Letras de canciones y videos
Millones de Letras de canciones y videos

Garoto(a) Normal

Tenho um sonho
Vou contá-lo pra você
Meus amigos já se foram
Não tenho nada a temer


Nitroglicerina, gelo seco,
Vinagre, aspirina e mando ver


Ou uma bereta, magnum,
metranca ou fuzil podem ser
Vou bolar um plano desses bem
insanos pra matar todos vocês


E pode ser o fim do mundo, a P.M.,
a C.I.A., que eu não vou ceder...


Eu vou livrar
a Terra dos porcos imundos
Vou matar, assassinar, vou trucidar
e é bem nisso que eu me fundo


Se você é um deles, não tem chance,
não vai dar pra se esconder
Não vão rir de mim quando o próprio
sangue deles escorrer


Não vão dizer que eu tenho medo


E nem que eu sou narigudo
Não vão gozar do meu cabelo
Ou me xingar porque eu estudo


A minha promessa
eu deixo pra missa das seis
Depois de um banho, bato um rango,
me arranjo e acabo tudo de uma vez


Nem aquela loirinha gostosinha
Que faz pose de burguês
Ou o playboy que finge de riquinho
viajando todo mês


Nenhum vai escapar da minha mira,
ali vem um, é um, dois...


(três!)


Fuente: www.musicafusion.com


  Esta canción               
  Este artista                 
  MusicaFusion.com   

Enlace para compartir:


Enlace HTML para tu website:


Reportar Contenido

publicidad