Entrar
(
Millones de Letras de canciones y videos
Millones de Letras de canciones y videos

Futebol da Bicharada

Lá no arraiá das curuja fizéru dois cumbinadu,
U timi du quebra-dedu, i u timi du pé rapadu.
A bicharada riuniru, formaru logu seus quadru,
Nóis fumu vê essi jogu, pur sê um jogu faladu.


A bicharada pidiu pru jogu sê irradiadu,
Na istação du lugá, PRJ-Bichadu,
U ispiqui era u jumentu, rapaizinhu aperparadu,
As quinzi hora da tardi u jogu foi cumeçadu.


U timi du quebra-dedu tinha fama di campião,
Sapu jogava no gol, béqui di ispera u lião,
Cavalu u béqui di avançu, u harfu isquerdu priá,
Viadu di center-harfu, harfu direitu u gambá.


A linha tava um pirigu, na meia jogava u gatu,
Nu centru jogava u tigri, na otra meia u macacu,
Na isquerda jogava u bódi, direita jogava u ratu,
E pra atuá di juiz, foi cunvidadu u largatu.


U tigri deu a saída, cuêiu foi pra tirá,
U tigri passô pru bódi, mais quandu eli foi chutá,
Puxaru a barba du bódi, u bódi foi recramá,
Juiz falô qui num viu, cachorru já quis brigá.


A cabra muié du bódi, xingô u juiz di ladrão,
Turcida du quebra-dedu fizéru recramação,
A capivara e a cutia pegáru xingá u lião,
Priguiça dava risada di vê u sapu di carção.


Largatu qui era u juiz, na hora deli apitá,
Tinha ingulidu u apitu, num pôdi u jôgu pará,
A turcida entrô nu campu, di pau, di faca i punhá,
U pau cumeu direitinhu, matáru trêis nu lugá.


U bódi ficô firidu, mataru u béqui lião,
Rasgaru a saia da cabra, cavalo quebrô a mão,
U sapu saiu correndo, pinchou-si num riberão,
Pur que na hora da briga eli ficô sem carção.


U jogu num terminô, pur issu ficô impatadu,
Agora nóis vai falá, du center-harfu viadu.
Nervosu eli dizia, entri suspirus i ais:
Qui jôgu brutu, meu deus, assim eu num jógu mais.


Fuente del lyric: www.musicafusion.com


  Esta canción               
  Este artista                 

Reportar Contenido
publicidad